Adepará apreende 462 quilos de queijo clandestino em Ipixuna do Pará

A mercadoria havia sido produzida em uma queijaria de Rondon do Pará e estava destinada a um supermercado em Mãe do Rio.

Foto divulgação

Em uma operação de rotina, fiscais da Agência de Defesa Agropecuária do Estado do Pará (Adepará) apreenderam 462 quilos de queijo muçarela clandestino na Região de Integração do Rio Capim. A apreensão ocorreu em uma barreira da Polícia Rodoviária Federal (PRF) na rodovia BR-010, onde uma camionete transportando a carga irregular foi interceptada.

Durante a fiscalização, os agentes identificaram 110 tabletes de queijo muçarela sendo transportados na carroceria do veículo sem as condições adequadas de refrigeração e sem o selo de inspeção necessário. A mercadoria, segundo informações da fiscal agropecuária Glenda Caires, havia sido produzida em uma queijaria de Rondon do Pará e estava destinada a um supermercado em Mãe do Rio.

Foto divulgação

A abordagem revelou que o queijo, de origem clandestina, desobedecia às normas de higiene sanitária e boas práticas de fabricação, colocando em risco a saúde do consumidor. Diante da situação, a Gerência de Trânsito de Agropecuário (Gtagro) da Adepará foi acionada para conduzir a apreensão junto com a equipe de defesa de Ipixuna do Pará.

O proprietário e condutor do veículo foi autuado e multado, mas liberado após a formalização dos documentos necessários, incluindo o auto de infração, o termo de apreensão e o termo de inutilização do produto. Todo o queijo apreendido foi destruído no aterro sanitário de Ipixuna do Pará, garantindo que não houvesse risco de consumo pela população.

Leia também: